100406827-bull-market-ahead-sign.1910x1000

Conjuntura favorável para o bitcoin puxa movimento de alta

Nas últimas semanas o mundo todo tem observado com atenção a reta final da eleição americana e os desdobramentos da […]

Economia

londonn

Euro sob pressão e o derretimento da libra

Passei os primeiros dias de outubro na capital inglesa, que rivaliza com Nova Iorque pelo posto de principal centro financeiro […]

Economia

vídeos

Tutorial - coinBR Smart Wallet - Efetuando um Cadastro Nível Bronze
CoinBR Bitcoin Summit - Painel sobre questões técnicas e regulatórias

/coinbr

Você tinha alguma dúvida de quão precioso e disruptivo o bitcoin é? Você não conseguia enxergar o quanto lucrativo ele pode ser como um ativo? Por que alguém no mundo usaria bitcoin?

Pois bem, se você tem ou tinha estas dúvidas sobre o bitcoin, as últimas semanas mostraram na prática – eu diria que desenharam para o mundo – todo o potencial do bitcoin.

Vamos voltar umas semanas no tempo e analisar o bitcoin e o mundo. O bitcoin estava tranquilo, subindo dos U$ 600 para U$ 720 tranquilamente. Eu diria até preguiçosamente.

Eis que uma série de noticias começaram a mexer com o mercado do bitcoin apelando para – o que eu acho ser a maior sacada – sua liberdade e descentralização.

Foi desencadeada uma onda de restrições de capitais – ou moedas – em vários países como China, India e Venezuela. Na China o governo tonou mais difícil as pessoas retirarem moedas para gastar fora do país.

A Índia foi ainda mais bruta. Tirou de circulação sua cédulas mais altas – 500 e 1.000 rúpias – de um dia para o outro. A ação tem como pano de fundo combater a corrupção e fortunas ilícitas, mas, no geral, só servirá para reverter a enxurrada de dinheiro impresso pelo governo e injetado na economia nacional. É muito simples essa equação. O governo endividado simplesmente imprime mais moeda para pagar a sua dívida o que desvaloriza ainda mais sua própria moeda.

Aqui na América do Sul a Venezuela fez o mesmo. Enfiada em uma gigantesca crise econômica, o governo dificulta a vida dos cidadãos que querem adquirir o mínimo necessário para viver.

Eis que chegamos ao bitcoin. A população da China, Venezuela e Índia recorreram a cryptomoeda para protegerem suas economias e poderem livremente transacionar seus bens sem restrições impostas pelos seus governos.

Esta alta demanda atrás de bitcoins impulsionou seu mercado para os maiores índices já alcançados. A moeda atingiu o pico de U$ 1.140,64. Em menos de um mês saiu de U$ 720 para U$ 1.140. Acho que podemos dizer categoricamente que é um excelente investimento, não?

A oferta e procura é o maior impulsionador dos valores do bitcoin. Vale lembrar que nada na economia global, nenhum governo ou instituição privada tem poder para alterar em nada o valor ou a usabilidade do bitcoin.

Meus amigos, a dica é: Comprem bitcoin. Aproveitem a queda nos preços que já está ocorrendo e comprem.

Aonde o preço do bitcoin vai parar? Na Lua!

Voltaremos a operar no dia 2 de janeiro de 2017.
Somente a operação na Xapo continuará recebendo bitcoins e suporte :-)
Boa Festas!

coinBR.net - tudo sobre bitcoin em Florianópolis.

A coinBR anuncia que Safiri Felix concluiu com muito profissionalismo seu processo de saída da posição de CEO da empresa. No último dia 28, no escritório de Florianópolis, foram fixados os poucos detalhes que faltavam e por fim o abraço da equipe e o desejo de sucesso nos próximos desafios.
Iniciaremos um novo ciclo profissional, como parceiros em projetos pontuais.

Nesta transição, Charys Oliveira assumiu a operação de compra e venda de bitcoins e a gestão de contratos. E até que seja definido se haverá um novo nome, o próprio Rocelo Lopes assumirá os papel de CEO.

Ao Safiri Felix a coinBR agradece toda a dedicação na busca incansável de fazer da empresa referência em serviços de bitcoin.

@coinbrpontonet


WALLET coinBR

Mantenha seus Bitcoins por perto.
No seu smartphone e com uma empresa que você conhece.

A coinBR está disponibilizando uma nova opção em carteira de Bitcoins para smartphones Android.
Trata-se de uma versão em português, para o mercado brasileiro e com features relevantes e personalizadas.

Baixe agora para o seu dispositivo!