Saiba como suas criptomoedas podem ajudar ONGs!

14/03/2019 | por Stratum | em Curiosidades

As Organizações Não-Governamentais (ONGs) são instituições sem vínculos com o governo e sem fins financeiros que buscam suprir necessidades da sociedade que o governo não consegue. O trabalho das ONGs se baseia em ajudar o próximo, mas elas também precisam de ajuda.

Sabia que as suas criptomoedas podem ser ativos valiosos para ajudá-las através da doação?

De acordo com um relatório da Fidelity Charitable, o número de instituições de caridade que aceitam ativos digitais teve um salto em 2017 e as doações em Bitcoin aumentaram durante o período deste ano.

Neste artigo iremos comentar sobre doações feitas com criptomoedas para instituições de caridade e como você pode usar os seus ativos para ajudar uma.

Criptomoedas e Instituições de Caridade

Até o momento, o ano de 2017 foi o mais favorável para o mercado de criptomoedas. Foi esse o ano em que ocorreu o boom do Bitcoin que chegou a custar US$20.000 dólares. Com as criptomoedas em alta, muitas empresas começaram a aceitá-las como forma de pagamento e as instituições de caridade não ficaram de fora.

A Fundação Forever Dream, por exemplo, recebeu US$36.000 em Bitcoin com a ajuda da plataforma CharityStars, conhecida por realizar leilões para que pessoas comuns conheçam suas celebridades favoritas ou adquiram itens de luxo. Todo dinheiro arrecadado com os leilões é doado para instituições de caridade como a Cruz Vermelha e Save The Children.

Na época, o co-fundador e CEO da CharityStars declarou que:

“A CharityStars se esforça para estar na vanguarda da indústria de angariação de fundos; portanto, foi algo natural integrar as criptomoedas em nossa plataforma, proporcionando maior transparência para os doadores e ajudando nossas 500 instituições de caridade a arrecadar mais dinheiro.”

No fórum Reddit, um usuário havia anunciado que iria doar 5.057 BTC (na época valia cerca de US$86 milhões) e queria encontrar instituições de caridade que precisasse do dinheiro. Para isso, o usuário criou o site “Pineapple Fund” que traz em sua página inicial a frase: “porque uma vez que você tenha dinheiro suficiente, o dinheiro não importa.”

O Pineapple Fund permite que as organizações de caridade se cadastrem para solicitar doações e um dos requisitos é que a organização esteja registrada em seu país. O fundo doou US$5 milhões para organizações como The Water Project, Fundação Bitgive, Fundação Open BSD entre outras.

Contudo, não é só no exterior que as criptomoedas vêm sendo usadas em doações.

Desde 2001 o Clube dos Vira-Latas é o lar de muitos animais abandonados da cidade de Ribeirão Pires (SP) e está presente na luta pelos direitos dos animais, tendo como conquista a criação da lei municipal que proibiu a utilização de animais em espetáculos circenses.

Recentemente a ONG começou a aceitar doações em Bitcoin, Bitcoin Cash e Litecoin em seu site. Claudia Demarchi, presidente do Clube dos Vira-Latas, disse que:

“Aceitar criptomoedas como doação é mais um meio que proporcionamos para as pessoas nos ajudarem a ajudar os animais que tanto precisam.”

Investimentos: Como podem te ajudar a doar?

Se você tem interesse em ajudar organizações de caridade e aplicar em cestas de investimento em cripto, a Stratum pode te ajudar.

Nós temos parceria com ONGs internacionais para as quais doamos parte da porcentagem das taxas cobradas em nossa cesta de investimento lastreada em criptomoedas, a StratumBlue.

Uma de nossas parceiras é a BitGive, uma organização sem fins lucrativos fundada em 2013 que usa o Bitcoin e a tecnologia Blockchain para melhorar a saúde pública e o meio ambiente em várias partes do mundo.

Em 2015 a BitGive lançou o site Bitcoin Charity para listar projetos do mundo todo que aceitam doações em Bitcoin.

Outra parceira da Stratum é a Blockchain for Humanity (B4H), uma fundação internacional e sem fins lucrativos que recebe doações e fornece fundos para organizações que causem impacto positivo na sociedade com o uso da tecnologia Blockchain.

A B4H tem como visão contribuir para a construção de uma sociedade mais aberta, justa e inclusiva através da Blockchain.

Quando você adere o Stratumblue sem ter sido indicado por outro usuário, o valor de comissão que iríamos dividir com o usuário que te indicou é doado para as organizações BitGive e B4F automaticamente. Através dessas doações, as instituições podem continuar ajudando pessoas pelo mundo todo.

Essa é uma pequena atitude pode ter grande impacto!

Ficou com alguma dúvida sobre como ajudar ONGs pela Stratum? Acesse o site da Stratumblue para mais detalhes, até o dia 6 de abril estaremos com oportunidades imperdíveis para quem busca uma cesta de investimentos inteligente, diversificada, com bons retornos e livre de complicações.

Conhece alguma ONG que aceita doações em criptomoedas e não foi citada aqui?

Compartilhe com a gente nos comentários deste artigo. Lembre-se também de deixar sua opinião sobre o tema. 😉

Para mais conteúdos como esse, acompanhe nosso blog e redes sociais.

14/03/2019 Compartilhar